quinta-feira, 29 de setembro de 2011

DIA MUNDIAL DO CORAÇÃO

No DIA MUNDIAL DO CORAÇÃO, a biblioteca escolar e o JES desenvolveram uma atividade na biblioteca, a qual consistiu numa instalação, visionamento de um filme, realização de pequenos trabalhos/produção de texto e distribuição de marcadores de livros sobre o tema em comemoração.


Esta atividade realizou-se em articulação com as disciplinas de Língua Portuguesa, Geografia e Francês de 9º e 11º anos.




Alimentos Nocivos








Alimentos Saudáveis









Agradecemos a todos os participantes, professores e alunos.

Aqui deixamos alguns dos textos produzidos:

-Para mim, o desporto é o hábito mais saudável para o coração. - Alice Tomé, 9ºA


-Eu gosto tanto de tortas de Azeitão, mas isso faz mal ao coração. - Samuel, 9º A

O coração faz-te viver
Se ele pára, vais morrer
Come o que te faz bem
O que faz mal não convém! - Manuel Matos, 9º B

Comida saudável vou comer
E exercício físico fazer
Para doenças no coração
Não ter! - Andreia Grilo, 9º B

- O coração é um órgão muito importante do nosso corpo, que nós devemos cuidar muito bem, com alimentação saudável e exercício físico. - Vera Branco, 9º A

Para mim, hábitos prejudiciais para o coração, são:
- Comer fast food com muita regularidade;

- Ter uma vida sedentária;
- Abusar de gorduras, açúcar e sal. - Margarida Guerreiro, 9º B

Alimentos a consumir para ter um bom coração:
- Muita água;
-Legumes;
-Frutas. - Eduardo Lemos, 9º B

DIA MUNDIAL DO CORAÇÃO




Hoje, dia 29 de setembro, comemora-se o DIA MUNDIAL DO CORAÇÃO.


Visita a nossa biblioteca, onde encontrarás uma pequena exposição(instalação) alusiva ao tema. Nela, poderás identificar hábitos bons e maus para este órgão vital do nosso corpo.


Não te esqueças que para teres um bom coração, trata bem dele, faz uma alimentação saudável e pratica exercício físico!


Aqui deixamos um vídeo sobre como bem tratar o coração.
http://youtu.be/-TdEkpb7Xfc

quarta-feira, 28 de setembro de 2011

DIA DO DIPLOMA

No próximo dia 30 de setembro pelas 12h terá lugar a cerimónia de entrega dos diplomas aos alunos de mérito e aos alunos que terminaram o 12º ano de escolaridade em 2010/2011.

segunda-feira, 26 de setembro de 2011

LIVRO DA SEMANA



Ninguém perguntou por mim

António Mota


A vida em Montepó continua a decorrer ao ritmo das estações do ano.

Os gémeos já cresceram e são rapazinhos traquinas, com comportamentos próprios da idade.

Abílio e Ana Teresa sonham com um futuro diferente .

Descobrem rapidamente que a vida nem sempre é fácil... Mas, embora haja decisões difíceis de tomar, todos os sonhos continuam a ser possíveis.

Abílio aprende também que o conhecimento é a melhor ferramenta que podemos arranjar para sairmos airosamente da mediocridade.


Uma história comovente, repleta de sonho e esperança.

quarta-feira, 21 de setembro de 2011

DIA INTERNACIONAL DA PAZ

O Dia Internacional da Paz é comemorado anualmente a 21 de setembro.
É uma iniciativa, a nível mundial, estabelecida pelas Nações Unidas em 1981.

Celebremos este dia com um poema da autoria do aluno Rúben Carrilho do 12º ano, turma D.



PAZ

A Paz não se vende

A Paz não se compra

Queremos Paz

Para todo o sempre!



Um dia a Paz

Iremos comemorar

E com o coração aberto

Iremos festejar!

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

LIVRO DA SEMANA



UM ANO PARA ESQUECER,



de Martha Freeman


O quê?! Belletoona?! Na Pensilvânia?!

Não, não podia ser verdade...Só podia ser uma piada... de muito mau gosto!!! Deixar as maravilhosas e quentes praias da Califórnia, os amigos e Josh, o namorado surfista (podre de giro) para ir viver na triste e sombria Pensilvânia? Realmente os pais de Kate só podem ter enlouquecido! É que a cidade de Belletona é tão má quanto Kate tinha imaginado: neva a toda a hora, o que obriga a usar toneladas de roupa; não existem pizarias ao virar da esquina: os vizinhos são um pouco estranhos; os novos colegas de escola odeiam-na... Mas Kate não baixa os braços e muito em breve irá mostrar aos pais que este foi o ano em que eles lhe arruinaram a vida...


-Enfim, um livro divertido!

terça-feira, 13 de setembro de 2011

SUGESTÕES DE LEITURA





Propostas de Leitura para o mês de Setembro











segunda-feira, 12 de setembro de 2011

LIVRO DA SEMANA

Tudo o que tenho trago comigo

de

Herta Müller*


* Prémio Nobel da Literatura 2009

quinta-feira, 8 de setembro de 2011

AUTOR DO MÊS

Neste Ano Internacional da Química, comemoram-se os cem anos:

-da atribuiçãodo Prémio Nobel da Química a Marie Sklodowska Curie pela descoberta dos elementos rádio e polónio e pelo estudo dos seus compostos.
-da descoberta do núcleo atómico por Ernest Rutherford.




MARIE CURIE



Aqui fica a nossa homenagem a Marie Curie, uma das mais brilhantes cientistas do século 20. Ela superou inúmeros obstáculos e preconceitos para levar adiante um trabalho que possibilitou avançarmos na compreensão da física nuclear.


Marie Curie nasceu em Varsóvia, Polónia, em 7 de Novembro de 1867.
Estudou na Sorbonne, Paris, licenciando-se em física e em matemática.

Em 1894 conheceu Pierre Curie, professor na Faculdade de Física, com quem viria a casar-se e a partilhar os seus estudos na descoberta dos elementos químicos como o rádio e o polónio e radioatividade.
Foi uma cientista que exerceu a sua actividade profissional em França e a primeira pessoa a ser laureada duas vezes com um Prémio Nobel:

- de Física, em 1903 (dividido com seu marido, Pierre Curie, e com Becquerel) pelas suas descobertas no campo da radioatividade.

- de Química de 1911 pela descoberta dos elementos químicos rádio e polónio.

O elemento 96 da tabela periódica, o Cúrio, símbolo Cm foi baptizado em honra do casal Curie.
Morreu em França, em 1934, de leucemia, devido à exposição maciça a radiações durante o seu trabalho.

sexta-feira, 2 de setembro de 2011

RENTRÉE

Enquanto o novo ano lectivo se aproxima a passos largos, deixamo-vos com este lindo poema de Fernando Pessoa.


Bom regresso, bom trabalho e muito sucesso!














Liberdade

Ai que prazer
Não cumprir um dever.
Ter um livro para ler
E não o fazer!
Ler é maçada,
Estudar é nada.
O sol doira sem literatura.
O rio corre bem ou mal,
Sem edição original.
E a brisa, essa, de tão matinalmente original
Como tem tempo, não tem pressa...

Livros são papéis pintados com tinta.
Estudar é uma coisa em que está indistinta
A distinção entre nada e coisa nenhuma.

Quanto melhor é quando há bruma.
Esperar por D. Sebastião,
Quer venha ou não!

Grande é a poesia, a bondade e as danças...
Mas o melhor do mundo são as crianças,
Flores, música, o luar, e o sol que peca
Só quando, em vez de criar, seca.

E mais do que isto
É Jesus Cristo,
Que não sabia nada de finanças,
Nem consta que tivesse biblioteca...